Tudo que você precisa saber para morar no CANADÁ em 2019

Como morar no CANADÁ

O que você precisa para Morar no Canadá

O que você precisa para Morar no Canadá?

Quando se decide fazer uma mudança, não há outra alternativa senão estudar e planejar muito bem a mudança. A importância que se dá ao planejamento é fundamental para economizar e se adaptar com maior conforto ao novo lugar escolhido; que servirá como moradia por muitos anos, e talvez, até para sempre.

O Canadá é um país maravilhoso para quem se identifica com este senso de planejamento, pois o mesmo oferece a quem deseja imigrar para as terras do Canadá uma organização sensacional. Além da organização própria do país, pode-se citar inúmeros benefícios que os habitantes possuem, que você verá ao longo deste guia.

Preparamos uma lista com passos que você poderá seguir para começar o planejamento do sonho de morar no Canadá: um país desenvolvido e receptivo.

ESTRANGEIROS TRABALHANDO NA IRLANDA? LEIA O TEXTO E SAIBA O MOTIVO!

1º Passo: Planejar e Pesquisar

Não suficiente, ressaltamos a relação que deseja imigrar para o Canadá deve ter com o planejamento e as pesquisas.

Gostaríamos de ressaltar também o papel das fontes, e convidamos você, que atualmente está interessado em morar definitivamente (ou não) no Canadá a continuar a leitura deste guia incrível, que mostrará a você itens como o custo de vida da moradia canadense, lugares bons para se viver no Canadá, as vantagens e desvantagens entre outros tópicos – demonstrando que sim, é possível alcançar este sonho. Estamos com você!

2º Passo: Definir a cidade e província desejada no Canadá

Sugerimos que você defina este passo após ler os capítulos especiais deste guia, que falam sobre o ritmo de vida nas cidades e províncias do Canadá. Também é interessante buscar sobre o processo de imigração para a cidade escolhida, visto que algumas cidades possuem normas mais flexíveis que outras, além de claro, buscar informações sobre o custo de vida nesta cidade.

Definir a cidade e província desejada no Canadá

Mas fique tranquilo. Este guia sobre “Como morar no Canadá” irá explorar os detalhes sobre todos estes pontos, tornando esta etapa do seu processo de imigração melhor amparada.

Ademais, é interessante que o futuro imigrante que deseja viver no Canadá reflita o tipo de cidade que mais o atrai, afinal, o Canadá é um país muito grande e possui cidades com estilos de vida diferentes.

3º Passo: Fortalecer seu inglês e/ ou francês

Tanto o Inglês como o Francês são línguas oficiais no Canadá, e portanto, se faz extremamente importante que você busque compreender bem uma ou as duas línguas.

Hoje, é possível aprender ambos online em aplicativos que se dedicam à ensinar novos idiomas à leigos. Uma dica de aplicativo é o Duolingo. Com ele, você poderá aprender Inglês e Francês, com o auxílio de exercícios de fixação e grupos de aprendizado.

Obter entendimento em inglês e/ ou francês é um pré requisito no processo de imigração para o Canadá, sendo possível você conseguir mais pontos neste processo se atingir boas pontuações nos testes de proficiência para inglês e/ ou francês: os famosos IELTS (International English Language Test System), CELPIP (Canadian English Language Proficiency Index Program) e TEF (Test D’évaluation de Français). Vale a pena investir!

4º Passo: Rever as condições financeiras

Existem muitos planejamentos financeiros que podem inspirar o imigrante que planeja morar no Canadá. Entretanto, além das técnicas, é necessário rever o propósito da viagem e imaginar os gastos variáveis que se pode ter, como por exemplo um estudante que planeja estudar no Canadá, e consequentemente terá que arcar com os custos de materiais de estudo como livros e afins. Também pode-se considerar os financiamentos destinados à intercâmbios.

5º Passo: Providenciar a documentação

É interessante saber que, para morar no Canadá, você deverá encaixar-se em algum dos propósitos definidos pelo Governo do Canadá, especificamente em seu sistema de imigração.

Muito além do visto, para morar no Canadá você deverá ter em mente que os processos funcionam através de um sistema de pontos, onde comprovações de fluência, histórico de viagens anteriores para o Canadá, formação profissional e afins serão acréscimos aos pontos. Quanto mais pontos, maiores as chances de seu processo de ida ser aprovado. Lembrando que o indivíduo deverá preencher os requisitos de acordo com o seu propósito de viagem (estudar, trabalhar, visitar e afins).


Tipos de Visto para o Canadá

Tipos de Visto para o Canadá

Ao longo de seu planejamento de viagem, é importante identificar-se com um visto, que é o que simboliza o propósito de sua viagem e o prazo máximo que o governo do Canadá lhe oferece. Cada visto possui um processo diferente, requisitos diferentes e prazos diferentes também. Nesta seção do Guia de Como Morar no Canadá, você irá observar o que precisa para se encaixar em algum dos vistos possíveis.

CRITICAL SKILLS PERMITS: CONHEÇA MAIS SOBRE AS LICENÇAS DE TRABALHO NA IRLANDA!

1 – Visto de Turismo

Sigla: V-1

Duração: até 24 semanas

Função e Propósito: O visto de turismo é concedido aos turistas, ou seja, pessoas que desejam visitar o Canadá, e não pretendem passar muito tempo no país. Se você pretende ficar até 24 semanas, ou seja, aproximadamente 6 meses, este é o visto ideal para você.

Benefício: Quem possui o visto de turismo poderá realizar algum curso se desejar, sendo ele não-acadêmico, desde que este curso não passe de 24 semanas de duração. Reuniões, congressos e palestras também são permitidos.

2 – Visto de Estudante com até 24 semanas de duração;

Sigla: SX-1

Duração: até 24 semanas

Função e Propósito: Este visto possibilita ao imigrante a opção de estudar cursos acadêmicos, ao contrário das permissões de estudo do visto de turismo. Além da documentação exigida para tirar um visto de turista, o futuro estudante deverá providenciar uma carta prévia da Instituição qual pretende estudar.

3 – Visto de Negócios;

Sigla: B-1

Função e Propósito: O visto de negócios é um visto para o indivíduo que vem representado por alguma empresa que possua laços ou seja consumidora de serviços ou produtos canadenses. O visto serve para que este indivíduo representado por alguma Organização, possa participar de eventos, conferências, congressos e atuar como representante de vendas no Canadá.

4 – Visto de Trânsito;

Sigla: VH-1

Duração: até 48 horas

Função e Propósito: Quando o viajante compra alguma passagem aérea com conexão ou escala no território do Canadá, precisará de um visto de trânsito. O objetivo é realizar a conexão de algum vôo, e se faz necessário a apresentação de detalhes do itinerário que se pretende percorrer.

Saiba Como morar na Irlanda – Guia Completo

Como Imigrar para o Canadá usando o Express Entry

Como Imigrar para o Canadá usando o Express Entry

Ao longo de 2015, o governo do Canadá anunciou a criação de um novo sistema de imigração para o Canadá, o chamado “Express Entry”. Você sabe dizer o que seria este processo? Continue a leitura, e descubra como o Express Entry poderá favorecer seu processo de imigração para o Canadá!

  • O que é?
    O Express Entry é um sistema eletrônico de seleção de candidatos à imigração, desde que sejam trabalhadores qualificados e desejem residência permanente no Canadá. Ele unifica vários processos de imigração.

  • Como funciona o Express Entry?
    O candidato é selecionado de acordo com um sistema de pontuação, que os classifica de acordo com as maiores pontuações. Como dito acima, as pontuações são provenientes de qualificações que o indivíduo possua.

Existem algumas etapas para a aplicação do Express Entry. Você poderá verificar, antes de aplicar, o grau de aceitabilidade do seu perfil, ou seja, se há chances reais de você ser aprovado pelo sistema eletrônico ou não. Clique aqui e seja redirecionado ao site em inglês.

  • Como preencher o formulário de criação de perfil?
    O sistema do Express Entry buscará suas informações sobre escolaridade, número de integrantes da família, qualificação profissional e experiências em seu país de origem e no Canadá, domínio em línguas estrangeiras (inglês e francês), entre outros critérios decisivos. É importante responder tudo honestamente, pois os itens requerem comprovações, inclusive testes de proficiência no idioma.

Caso o futuro imigrante seja aprovado, ele receberá um convite a aplicar para um visto de residência permanente.

10 Canais ou Sites Gratuitos para Estudar inglês


As melhores cidades para morar no Canadá

Como todos sabem, o Canadá é o segundo maior país do mundo, em extensão territorial, só perdendo para a Rússia.

O Canadá apresenta diversas cidades singulares por conta de seu tamanho. As diferenças se dão pelo clima característico, pelas opções de lazer e entretenimento disponíveis e pela própria cultura da região.

Nós separamos para você uma lista com cinco cidades do Canadá que são consideradas sensacionais por turistas e habitantes.

Ottawa
Ottawa possui a menor taxa de desemprego do Canadá, além de ser o centro político canadense.

Ottawa - Canadá

Lévis

A cidade de Lévis possui uma população de 144 mil habitantes, e é conhecida por seu inverno muito rigoroso.

Lévis - Canadá

Gatineau

Gatineau, que é localizada na província de Quebec e tem como língua oficial o Francês, é lotada com vários escritórios federais e prédios comerciais.

Gatineau - Canadá

Calgary

Calgary possui uma interessante curiosidade: é um dos únicos lugares livres de ratos do mundo!

Calgary - Canadá

Edmonton

Na cidade, o turista poderá encontrar inúmeros festivais, além de deparar-se com várias áreas verdes, com parques.

Edmonton - Canadá

Como é morar no Canadá?

Ao longo destes últimos anos, houve uma explosão de brasileiros que resolveram ir morar no exterior. Seja pela facilidade com que se é possível aprender novos idiomas, ou pelas desilusões políticas e econômicas, é um fato que atualmente o brasileiro tem conquistado seu espaço ao redor do mundo. Aliás, o Canadá é o país que mais recebe intercambistas brasileiros, ultrapassando os Estados Unidos.

Tecnicamente, o Canadá é um país receptivo, e os turistas poderão esperar boas políticas para os imigrantes e uma boa recepção por parte da população canadense. Se o imigrante pretende levar consigo sua família e filhos, ele poderá ficar tranquilo, pois o Canadá também é um lugar propício para a criação de filhos, observando critérios como a educação fundamental e as políticas sociais oferecidas aos pais, e voltadas às crianças.


Saúde

O sistema de saúde do Canadá é diferente em cada província, ou seja, existem 13 sistemas de saúde. O de Ontário por exemplo, chama-se OHIP, e é destinado ao atendimento dos habitantes de Ontário.

Como todos os sistemas são diferentes uns dos outros, é possível classificá-los. Através de pesquisas, sabe-se que Ontário, Quebec e Alberta possuem as menores filas, porém, Quebec apresenta menor número de médicos.

Os usuários do sistema de saúde frisam bem a questão da igualdade em que é baseado os sistemas de saúde do Canadá.


Transporte

Canadá possui como meios de transporte os ônibus, bondes elétricos (streetcars) e metrô.

O indivíduo que pretende realizar viagens de metrô, poderá adquirir um carnê com bilhetes de acesso ou um bilhete único, podendo também adquirir um plano mensal, diário e anual.

Transporte no Canadá

Vantagens e Desvantagens de Morar no Canadá

Sabemos que cada país possui seus hábitos, cultura e que por vezes alguma característica é considerada boa às pessoas que visitam o país pela primeira vez, enquanto, há situações consideradas negativas.

Fato é que isto se torna um ponto de vista um tanto quanto pessoal, variando entre os gostos pessoais e as experiências pelas quais os indivíduos passam ao longo de suas vidas.

Neste Guia sobre Como Morar no Canadá, você tem a oportunidade de observar aspectos positivos e negativos sobre a vida no Canadá.


Aspectos Vantajosos

  1. Esportes de Inverno
    Considerando a temperatura média do Canadá, que é costumeiramente fria, se torna o país perfeito para amantes de esportes no gelo, ou que envolvam baixas temperaturas, como por exemplo o hóquei de inverno.
    O Canadá possui várias pistas naturais de neve, como Jasper, Sun Peaks e Whistler.

  1. Universidades
    No Canadá, é possível encontrar muitas universidades ótimas, tais como a Universidade de Montreal, Universidade de Toronto, Universidade de Ottawa entre muitas outras, que recebem inúmeras qualificações por seus sistemas de ensino desenvolvido.
  2. Linguagem
    Como no Canadá as linguagens oficiais são o Inglês e o Francês, é possível você conhecer as duas línguas, e, com a convivência, aprender ambas.

Aspectos Desvantajosos

  1. Alimentação


  1. A alimentação do Canadá é considerada deficiente, em termos nutritivos. Isto porque, o valor de comidas frescas é extremamente caro, sendo que as comidas industrializadas e processadas são baratas. Desta forma, é muito difícil manter uma alimentação nutritiva no Canadá.
  2. Frieza
    Longe de estarmos falando de fatores climáticos, a frieza citada refere-se aos próprios moradores. A cultura do país é um pouco menos amorosa que a cultura brasileira, por exemplo. Este fator faz com que o Canadá se torne um país um pouco taciturno para pessoas carentes de amigos.
  3. Vitaminas
    A ausência de luz do sol ocasiona a deficiência da Vitamina D. Infelizmente, é comum os moradores do Canadá utilizarem pílulas de vitamina ou serem adeptos da luminoterapia.
  4. Serviços


  1. Serviços comuns no Brasil, como empregada doméstica e mecânico, que não costumam custar caro e são requisitados até por famílias de renda baixa, são considerados um luxo no Canadá – sendo caros e escassos.

Quanto custa morar no Canadá?

Talvez esta seja uma pergunta chave para você analisar se é viável, ou não, morar no Canadá.

Sendo um país de extenso território, pode-se dizer que o Canadá apresenta muitas discrepâncias de custo de vida, sendo este um ponto muito favorável para o futuro imigrante decidir para onde irá imigrar no Canadá. É importante saber que, o Canadá utiliza uma única moeda oficial, sendo ela o Dólar Canadense (CAD).

Neste guia, você irá observar as diferenças de custos de vida em diversos aspectos, entre algumas cidades e províncias do Canadá.

  • Aluguel
Aluguel - Canadá

Quando se planeja morar no Canadá, é necessário analisar com cautela o valor dos aluguéis, que variam de acordo com a região, o tamanho do imóvel e número de cômodos.

Em Toronto, um apartamento com um quarto simples custa CAD $1.300 mensais. Em Montreal, é possível encontrar um aluguel de CAD $1.050, e já em Vancouver, o valor aproximado é de CAD $1.350.

Edmonton possui o menor valor para apartamentos de um quarto simples, alcançando CAD $1.000 mensais.

  • Contas de água, energia e aquecimento

Algumas destas contas estão embutidas no aluguel, e portanto, se faz necessário checar esta informação antes de fechar um acordo de aluguel.

Porém, é comum as contas não estarem inclusas à mensalidade, e portanto, separamos para você neste Guia de Como Morar no Canadá, os valores médios.

  • Toronto: CAD $130 mensais;
  • Montreal: CAD $100 mensais;
  • Vancouver: CAD $110 mensais; e
  • Edmonton: CAD $95 mensais.

É possível perceber que Edmonton possui um custo bem menor em comparação à Toronto, tanto em questão de valores de contas como no aluguel também.

  • Serviços Particulares

Em relação aos serviços particulares, tais como Internet, Televisão a cabo e Telefone Fixo, há uma grande demanda, sendo serviços relativamente mais baratos do que os praticados no Brasil.

Se você não tiver interesse em dispensar estes serviços, confira uma lista com os valores aproximados.

  • Toronto: CAD $140 mensais;
  • Montreal: CAD $120 mensais;
  • Vancouver: CAD $140 mensais; e
  • Edmonton: CAD $110 mensais.

É importante ressaltar que, atualmente, o ganho mínimo no Canadá é de CAD $11,40 a hora em Toronto, CAD $10,75 por hora em Montreal e de CAD $10,85 por hora em Vancouver. Sendo que Calgary apresenta o maior ganho mínimo por hora, de CAD $12,20.

Caso você esteja buscando um emprego no Canadá, poderá contar com algumas plataformas de pesquisa. Tais como:

  1. Robert Half;
  2. Careerbuilder; e
  3. Eluta.


Curiosidades Gerais sobre o Canadá

Temperaturas

O Canadá é conhecido por um apelido, “The real North”. Isto quer dizer que as temperaturas lá são realmente muito definidas, sendo que o Inverno é extremamente rigoroso. Em Toronto, é possível a temperatura marcar -33ºC no Inverno, aliados a Nevascas.

  • Relações Internacionais

Você sabia que a Rainha Elizabeth, da Inglaterra, é a chefe de Estado do Canadá? E seu sistema é o regime de monarquia constitucional com regime parlamentarista.

Também é um fato bem conhecido que o Canadá está presente no grupo G8, ou seja, o grupo dos países mais ricos do universo.

  • Festivais Canadenses

O Canadá possui diversos festivais que atraem pessoas do mundo inteiro. Dentre eles, encontram-se:

  1. Celebration of Light, em Vancouver;
  2. Winterlude, em Gatineau;
  3. Just for Laughs, em Montreal;
  4. Calgary Stampede, em Calgary;
  5. Pride Toronto, em Toronto; e
  6. Toronto International Film Festival

Na foto, o evento “Celebration of Light”, em Vancouver.


Dicas Extras